Capas Temáticas #01 - Árvores

Olá, amigos!

Como já apresentei a coluna em outra postagem, nessa venho fazer pela primeira vez o Capas Temáticas aqui no Legere Oculis. Para começar, escolhi o tema "árvores". A influência da natureza diversas vezes está presente nas histórias que lemos, e em algumas vezes esse destaque é dado também na capa. Vamos conferir?


1. Tem capa mais linda e maravilhosa do que a capa original de "A Menina que roubava livros"? Escolhi essa imagem porque ela mostra bem o aspecto que eu queria destacar. Além de ter árvore na capa e na contra-capa, a edição traz ainda uma perfeita árvore vermelha que contrasta esplendorosamente bem com o preto da lombada do livro. Perfeito, não?


2. Outro livro que traz uma árvore na capa, é o livro "Dezesseis Luas". A árvore em questão é bem parecida com a anterior, não possui folhas, apenas galhos secos. Mais uma vez temos uma árvore que se destaca na cor branca, sob o fundo roxo. Linda, não acham?


3. Em "Insurgente" temos uma árvore seca, mas que nos dá a ideia de que suas folhas e pétalas foram levadas, carregadas pelo vento que a cerca, o que dá um efeito muito bonito a capa, além disso o fundo verde permitiu que a árvore se destacasse ainda mais.


4. Agora sim vemos uma árvore em seu estado pleno. Uma grande árvore com uma copa repleta de folhas. Mesmo não estando em primeiro plano, a planta se destaca no fundo por seu tamanho.



5. Nessa capa o destaque é dado ao caminho, a estrada. No entanto quando olhamos para esse percurso percebemos que ele não tem muitas árvores, logo vemos então as árvores que aparecem em primeiro plano, no início da estrada. É um efeito interessante, concordam?


É isso então, gente. Espero que tenham gostado da coluna e que deem também suas contribuições ali nos comentários e sugestões de mais capas. É sempre um prazer falar com vocês.

Abraços!

Por favor, compartilhe!

  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...

6 comentários :

  1. Adoro essa coluna! Sempre percebemos como determinados objetos ou paisagens são bem constantes nas capas, algo que nem costumamos observar. De todas, acho a de Dezesseis Luas a mais linda, apesar de que carrego um carinho pela de Insurgente (muito talvez pela história), e realmente adoro a de Murmúrio, mas é só pelo cachorrinho fofo ahahha

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha de "Atormentada", vem conferir!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Que bom receber sua visita e comentário. Também tenho uma paixão nada secreta por capas, e é impressionante o quanto elas algumas vezes conseguem ilustrar perfeitamente o título ou a história de um livro.

      Abraço!

      Excluir
  2. Confesso que estava na expectativa de como seria essa coluna, Raimundo! E, o legal, é você superou! Muito boa, parabéns!

    A duas primeiras capas são lindas, tanto que - meio contrariando o que comentei no outro post - foi essa capa que despertou meu interesse pelo "A menina que roubava livros". Quando fui ver a sinopse e percebi que o enredo se passava durante a segunda guerra mundial, fiquei mais encantada. Pena que o livro em si me veio como um balde de água fria. Não consegui terminá-lo ainda, e olha que já tentei duas vezes... mas, enfim, a capa é realmente linda! Quanto ao "Dezesseis luas", quero muito lê-lo. E como roxo é a minha cor preferida, nem preciso dizer que gostei da capa, ne? rs
    Ficou muito bom o post!
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É realmente muito boa, Malu! Mas dá um trabalhão ficar buscando na memória as capas, ficar procurando, lembrando, enfim...

      Quando não é tão recorrente nem percebemos o quanto nos influenciamos pela capa. rsrsrs. Ainda não li "A Menina que roubava livros", mas sei que muita gente também teve a mesma dificuldade que você na leitura. Já "Dezesseis Luas", prefiro nem comentar... a capa é mesmo linda.

      Obrigado pelo elogio.

      Beijo'

      Excluir
  3. Gente, eu não lembrava de nenhuma capa com árvore.

    E realmente, a capa de A menina que roubava livros é outro nível, minha preferida. Tanto é que achei ridículo aquela capa do filme. Primeiro que o livro é bem melhor que o filme, e não deve ser modificado por causa deste. Depois, na contra capa está escrito a famosa frase "Quando a morte conta uma história, você deve parar para ler", e com a nova edição, há a imagem da Liesel abraçando o pai, e você olha a imagem e lê a frase e pensa "WHAT?", porque não tem nada a ver.

    Adorei o post e essas capas são lindas, e sinto dizer que desses livros só li um (A menina que roubava livros), e nem esse eu tenho :c

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Clarice!

      Que legal receber sua visita e comentário. Obrigado!

      É realmente difícil lembrar dessas capas. A capa de "A menina que roubava livros" é perfeita, a do filme não me agrada. Desses livros, eu também só li um, que foi "Dezesseis Luas".

      Volte mais vezes. :)

      Grande Abraço!

      Excluir

Olá!

É sempre um prazer receber sua visita e comentário. Responderemos a sua mensagem logo que possível. Obrigado e Volte sempre! :D

Scroll to top